Seja Bem Vind@, Alta Floresta -

Procurando algo, pesquise aqui:

Com 'periguete' e 'tuitar', dicionário Aurélio tem edição júnior

segunda-feira, 5 de setembro de 2011

Foto: Nathália Perdomo/Especial para Terra

Palavras como "tuitar" fazem parte do Aurélio Júnior; a estudante Ingrid aprovou a novidade

O tradicional dicionário Aurélio percebeu a necessidade de incorporar alguns verbetes que estão na boca do povo brasileiro e ainda não tinham definição oficial. No lançamento do Aurélio Júnior, realizado na 15ª Bienal do Livro do Rio de Janeiro, os visitantes estavam entusiasmados com a novidade.

Na opinião da estudante Ingrid, 12 anos, as palavras incorporadas ao dicionário são muito úteis, já que fazem parte do dia-a-dia de sua geração. Antes de folhear o manual, ela sugeriu o significado de "periguete", um dos novos verbetes. "Periguete é a garota que usa roupas curtas e sai com todos os garotos", disse Ingrid. Comparando com a definição do dicionário, a estudante chegou perto: "moça ou mulher que, não tendo namorado, demonstra interesse por qualquer um".

Expressões do mundo digital também foram lembradas e adaptadas para o dicionário em português, criando neologismos. Além de "tuitar" - verbo derivado do ato de postar um comentário no twitter -, o verbo "baixar" ganhou novo significado.

O pedido de Dilma Rousseff para ser chamada de "presidenta" refletiu na reintegração do termo ao manual. O verbete bullying, muito comentado na mídia este ano, também foi incorporado, assim como o verbo "ficar", no sentido de "trocar carinhos por período curto, mas sem compromisso de namoro". Voltado para o público escolar, o manual com cerca de 30 mil verbetes foi editado por Valéria Zelik e editado pela Positivo e está à venda na Bienal por R$ 38,50.

Nenhum comentário:

Comente você também sobre este assunto.